22 março 2007

"Ecos de interculturalidade": Exposição de Fotografia sobre o Nô Djunta Mon em Almada




O João Barata e a Joana Deus são dois voluntários do ISU que fizeram Nô Djunta Mon em Cabo-Verde (Porto Novo) e na Guiné-Bissau (Bubaque) em 2006, e partilham agora esta experiência numa exposição de fotografias na Casa Municipal da Juventude de Almada, em Cacilhas (no âmbito da Quinzena da Juventude 2007), que pode ser vista até ao próximo sábado 24 de Março.

São 20 fotografias Preto & Branco sobre o quotidiano das comunidades locais, acompanhadas de textos, que no seu conjunto pretendem realçar os aspectos mais marcantes do processo intercultural vivido pelos dois voluntários.

O principal objectivo desta exposição é a sensibilização para a importância do voluntariado e da cooperação para o desenvolvimento como forma de minimizar as assimetrias e desigualdades do mundo actual.

Parabéns aos voluntários pela iniciativa!

1 comentário:

Joana disse...

Caros colegas do ISU,

Fui para Cabo Verde no Verão de 2000, através do NÔ DJUNTA MON.
Queria incentivar todos os indecisos a embarcarem nesta aventura, um desafio que deixa bons resultados. Neste período senti que o nosso trabalho foi produtivo e útil, penso que deixámos bons intrumentos eduvativos e alicerces de desenvolvimento na Assomada, em Cabo Verde.
Para além disto, é sem dúvida uma experiência para a vida. Hoje é muito frequente lembrar as aprendizagens e momentos vividos neste período... Marcaram-me e são essenciais no meu dia-a-dia.
Por isso Obrigada e PARABÉNS ISU!
E um beijinho aos meus companheiros de 2000: Pedro, João, Pedro, Ana, Ana Luisa, Abraão, Telma, Maya, Carla, Marisa, Diogo...
Quem puder envie-me fotos do ICM e outras da Assomada!
Beijinho Joana